TOP
Passeio em grupo de 2h

Olhão

Descrição

Passeio no Parque Natural da Ria Formosa de Olhão até à Ilha da Culatra.
Você pode escolher a hora de partida. Um guia irá acompanhá-lo na sua viagem para poder usufrui da melhor forma do passeio.

Estes passeios de grupo são para um minimo de 30 pessoas.
Olhão – Ilha da Culatra (paragem de 45min) – Olhão

Duração:

2 hora(s)

Preço:

10€ / pessoa

Pontos de interesse

  • Ilha da Culatra
  • Viveiros de berbigão e amêijoa
  • Fauna da Ria Formosa
  • Flora da Ria Formosa
  • Olhão
  • Viveiros de ostras, berbigão e amêijoa
  • Ruas do centro
  • Mercados
  • Igreja Matriz de Olhão
  • Ermida de Nossa Senhora da Soledade
  • Rua do Comércio
  • Zona Ribeirinha
  • Parque Natural da Ria Formosa
  • Edifício do Compromisso Marítimo
  • Fuseta
  • Ilha da Armona
  • Ilha da Culatra
  • Ilha Deserta

Atividades

  • Caminhada na praia
Reservar

    Galeria de fotos

    Itinerário

    • lha da Culatra:

    Possui 7km de comprimento. A população inicial veio , perto de 1880, de vilas vizinhas e dedicava-se à pesca por armações para a pesca de sardinha. A ocupação, atualmente com cerca de 1000 habitantes e 350 casas, deu-se neste local por ser uma zona estratégica relativa à pesca. Habitavam casas com paredes de madeira e telhados de colmo.

    • Olhão:

    Há indícios de que o território de Olhão é povoado desde os tempos pré-históricos.A proximidade da barra e a existência de água e peixe em abundância levaram à fixação dos primeiros pescadores. O desenvolvimento da pesca costeira e de alto mar, e das trocas comerciais permitiu um grande desenvolvimento do povoado que, em 1695, era conhecido por Freguesia de Nossa Senhora do Rosário de Olhão.

    Durante a ocupação francesa do Algarve, em 1808, surge em Olhão uma grande revolta popular contra os invasores, que levou à expulsão dos mesmos do território. Olhão ficaria conhecida por Vila de Olhão da Restauração.A pequena vila de pescadores teve um exponencial desenvolvimento económico, social e urbano, pelo que, em 1985 foi elevada a cidade, ficando conhecida por cidade de Olhão da Restauração.

    Atualmente continua a ser uma terra de pescadores e industriais de conservas, mas a crise do sector tem levado ao aumento do turismo como alternativa económica. A cidade tem aproximadamente 14900 habitantes.

    Transfers

    Se estiver de férias e não conseguir transporte até ao local de embarque do seu passeio, a nossa equipa assegura o seu transporte, sob um custo adicional.

    Subscreva à nossa Newsletter

      Usamos cookies para oferecer a melhor experiência on-line. Ao concordar, aceita o uso de cookies de acordo com os nossos termos e condições.

      Privacy Settings saved!
      Configurações

      Quando visita qualquer site, pode guardar ou recuperar informação no seu navegador, maioritariamente na forma de cookies. Controle as suas configurações de cookies deste sítio aqui.

      Rejeitar tudo
      Aceitar tudo